Prancha de surf ultra-tecnológica

A empresa sul-coreana Samsung, patrocinadora de Gabriel Medina e do circuito mundial, lançou uma prancha ultra-tecnológica com celular acoplado. Pelo o que mostra no vídeo da propaganda, a prancha foi construída em parte pelo shaper de Medina, Johnny Cabianca, e seria possível receber mensagens e acessar a internet de dentro da água. Será que realmente chegamos a este ponto da tecnologia? Ou será que em breve eles irão aparecer com alguma daquelas pegadinhas de publicitário?

Não sabemos ainda. Mas se isso for realmente um produto a ser colocado no mercado, quanto ele custaria? E será que teríamos muitos compradores em potencial ?

Surfar sempre foi um momento de puro prazer e relaxamento. Um momento pleno de conexão com a natureza. Nem mesmo os lineups mais tumultuados de hoje em dia conseguiram acabar com a pura expressão da arte e beleza do surf. Da relação homem versus as forças da natureza. No momento que estás na onda, és só tu e a energia dela. Será mesmo que precisamos mudar isso de forma tão brutal?

É mesmo preciso colocar ‘mensagens’, ‘comentários’, ‘pessoas’ no meio de uma das poucas relações genuínas que ainda temos com a natureza? Não sei. Ainda não dá para saber quais as reais intenções da empresa com seu novo produto. Ainda não dá para saber se os consumidores realmente se interessariam por ele. Mas o que dá para sentir é um medo muito grande de que toda essa tecnologia nos engula.

 

fonte: http://www.redbull.com/

Não seguro para
"Clique aqui para mostrar
766