Quatro hábitos que deves começar na faculdade.

Para a maior parte das pessoas, a ida para universidade é o primeiro passo para a vida adulta. Normalmente, os jovens saem das escolas secundárias diretamente para as faculdades e, para muitos, isto significa sair de casa dos pais, mudar de cidade, começar a ganhar algum dinheiro e a gerir algumas responsabilidades. Esta é por isso uma das melhores alturas para os jovens começarem a desenvolver alguns hábitos positivos de gestão financeira, que os podem acompanhar por toda a vida.

 

1. Fazer um orçamento

Saber quanto dinheiro entra por mês na conta bancária e quanto é que gasta é o primeiro passo para ter umas finanças pessoais saudáveis. A ida para a universidade é a altura ideal para começar este hábito, mesmo que sejam os pais a pagar a universidade. É bom aprender a fazer um orçamento e a mantê-lo. Esta ferramenta é útil para seguir o rasto as despesas, aos rendimentos e para perceber onde é que gasta dinheiro desnecessariamente.

 

2. Aprender a poupar

Quer seja para comprar um item desejado, para fazer uma viagem de férias, para pagar as propinas ou apenas para ter um fundo de emergência, o importante é conseguir colocar uma quantia de lado para satisfazer algumas vontades ou para se sentir mais seguro financeiramente. Quanto mais cedo começar a poupar melhor, mesmo que sejam apenas 10 euros por mês. Para saber quanto tem de poupar, defina metas de poupança específicas: calcule a quantia que precisa de poupar todos os meses para alcançar esse objetivo. É importante que o dinheiro poupado esteja sempre disponível. O ideal é recorrer a contas poupança, que permitem amealhar, enquanto pagam juros – mesmo que sejam residuais.

 

3. Gastar com inteligência

Ter o ‘smartphone’ mais recente do mercado ou os ténis da marca da moda não é fundamental nesta fase da vida. Estes gastos podem ficar para quando já trabalhar e ganhar o suficiente para poder comprar satisfazer estas vontades. Nesta fase, em que o dinheiro é, por regra, contado até ao último tostão, é importante que estabeleça limites aos gastos. Defina quanto é que pode gastar nas várias categorias, como por exemplo: casa, alimentação, telecomunicações e diversão, e mantenha esse limite. Ao implementar esta regra, está a formar bons hábitos de gastos e a aprender a definir em que é que vale mais a pena gastar dinheiro.

 

4. Obter rendimentos extra

Quer seja um trabalho em ‘part-time’, durante as férias ou um evento pontual, é importante que comece a obter alguns rendimentos, mesmo que os pais sustentem o pagamento da universidade e respetivo material. Para além de conseguir ganhar algum dinheiro é uma vantagem na hora de procurar emprego, quando terminar o curso. Tenha, no entanto, em atenção que o trabalho não deve interferir com a obtenção de boas notas, o que significa que terá de gerir bem o tempo.

 

 

Quatro hábitos que deves começar na faculdade.
Não seguro para
"Clique aqui para mostrar
3k