Publicar com tag "#FacebookMessenger"

2

Total Publicar

Conhece aqui quais são as aplicações de mensagens mais populares do mundo.

Os hábitos dos usuários de smartphones ao redor do mundo podem mudar bastante entre um país e outro, mas uma característica é quase unânime: todos usam com frequência alguma aplicação de mensagens, seja ela o WhatsApp, o Facebook Messenger ou o Telegram. Vamos conhecer um pouco mais o mundo.

Slider

Facebook é líder destacado - Com base nos dados de um dos maiores sites de estatística web, SimilarWeb , usando como sistema operativo o Android, ficamos a saber que foram recolhidas informações de 187 países para determinar qual seria a aplicação de mensagens mais popular do Planeta. A combinação de vários factores e a forma como hoje encaramos a sociedade, mostram mesmo que na generalidade dos países a aplicações de mensagens é a mais usada e descarregada de todo o cardápio de oferta.

WhatsApp é líder em 55,6% do mundo - Dos 187 países que a SimilarWeb examinou, o WhatsApp foi a aplicação que destacou-se em 109 países, totalizando uma cota de preferências de 55,6% no mundo. Há, contudo, alguns países que lideram o número de utilizadores do WhatsApp, como o México (e vários outros vizinhos sul-americanos). Depois há uma enorme comunidade que se destaca na Índia e Rússia. Na Europa, África e Oceania existem vários países, até com alguma influência, que igualmente preferem esta aplicação. A aplicação Messenger do Facebook reclama a segunda posição. São 49 países que apostam nesta aplicação como a preferida, onde se destacam a Austrália, o Canadá e os Estados Unidos da América. O Viber tem, por seu lado, 10 países fieis e aparece na terceira posição deste ranking. É na Europa de Leste com países como a Bielorússia, Moldávia ou a Ucrânia que este serviço ganha ainda mais relevância. De facto, em Abril deste ano o Viber estava instalado em 65% dos dispositivos Android na Ucránia e tinha uma média de utilização de cerca de 16 minutos por dia. A popularidade do Viber atinge, contudo, outras partes do globo, como por exemplo o Iraque, Líbia, e Sri Lanka.

E na China, quem domina? Sem dúvida que no império chinês quem domina é a app Line, o WeChat e, mais recentemente, o Telegram. Estas 3 aplicações e respectivos serviços reclamam para si a liderança em países como a China Irão ou Japão. No Japão há uma obsessão pela aplicação Line, ao ponto de haver dados que mostram que esta aplicação tem uma média de utilização diária de 40 minutos. Incrível!

1 de 5
  • Conhece aqui quais são as aplicações de mensagens mais populares do mundo. - image 1
  • Conhece aqui quais são as aplicações de mensagens mais populares do mundo. - image 2
  • Conhece aqui quais são as aplicações de mensagens mais populares do mundo. - image 3
Não seguro para
"Clique aqui para mostrar
513

MacMagazine testa compressão de imagens em apps de mensagens

Geralmente temos uma foto magnífica em altíssima resolução tirada com a nossa câmera DSLR de 258 megapixels e, naturalmente, queremos a todos os nossos amigos. O problema é que o peso da dita cuja em megabytes beira os três dígitos e ultrapassa o socialmente aceitável e fisicamente possível dos mensageiros instantâneos.

A intenção da MacMagazine, foi reunir os principais aplicativos e serviços de mensagens instantâneas — MensagensWhatsAppTelegramFacebook MessengerSkype e, como bônus, a DM do Twitter — e testar suas capacidades compressoras com uma única foto em alta resolução. Analisar o tamanho, a resolução e a qualidade do resultado para avaliar quem se saía melhor nesta tarefa crucial em tempos de internet limitada.

A foto enviada em todos os serviços foi esta aqui. É um JPEG de 2,3MB, com dimensões de 5344×3006 pixels. Os resultados são os que seguem:

Screen Shot 2016-06-09 at 11.22.25 AM

Como se pode ver, não tiveram aqui um vencedor claro. Alguns mensageiros preferem comprimir bastante suas imagens para economizar a banda dos usuários e, obviamente, seus próprios servidores, enquanto outros seguem a rota de enviar o arquivo original sem (ou com muito poucas) compressões — tudo vai depender, então, da necessidade do usuário, como sempre.

 

fonte: https://macmagazine.com.br/

 

MacMagazine testa compressão de imagens em apps de mensagens
Não seguro para
"Clique aqui para mostrar
1k